Mostrando postagens com marcador Universo. Mostrar todas as postagens

Por que Jesus dobrou o Lenço?


Por que Jesus dobrou o lenço que cobria Sua cabeça, no sepulcro, depois de Sua ressurreição? 

Muitas pessoas nunca haviam detido a atenção a esse detalhe, inclusive eu... Em João 20:7 - diz que o lenço que fora colocado sobre a face de Jesus, não foi apenas deixado de lado, como os lençóis no túmulo.

A Bíblia reserva um versículo inteiro para nos dizer que o lenço foi dobrado cuidadosamente e colocado na cabeceira do túmulo de pedra.

Bem cedo, na manhã de domingo, Maria Madalena foi à tumba e descobriu que a pedra da entrada havia sido removida. Ela correu ao encontro de Simão Pedro e o outro discípulo... aquele que Jesus tanto amara (João) e disse-lhe ela:

- "Tiraram o corpo do Senhor e eu não sei para onde o levaram."

Pedro e o outro discípulo correram ao túmulo para ver. O outro discípulo passou à frente de Pedro, e lá chegou primeiro. Ele parou e observou os lençóis, mas ele não entrou no túmulo. Simão Pedro chegou e entrou. Ele também notou os lençóis ali deixados ao chão, enquanto que o lenço que cobrira a face de Jesus estava dobrado e colocado em outro lado.

Isto é importante? Definitivamente sim! 
Isto é significante? Certamente que sim!

Para poder entender a significância do “lenço dobrado”, se faz necessário que entendamos um pouco a respeito da tradição hebraica daquela época: 

O lenço dobrado tem a ver com o "amo e o servo", e todo menino judeu conhece a tradição.

Naquela época, quando um servo colocava a mesa de jantar para o seu amo, ele buscava ter certeza em fazê-lo exatamente da maneira que seu amo desejava. A mesa era colocada perfeitamente e o servo esperava, fora da visão do amo, até que o mesmo terminasse a refeição. O servo não podia se atrever a tocar na mesa antes que o amo tivesse terminado a sua refeição. 

Então, diz a tradição que ao terminar a refeição, o amo se levantava, limpava os dedos, a boca e sua barba, e embolava o lenço e o jogava sobre a mesa. 

Naquele tempo o lenço embolado queria dizer: "Eu terminei".

No entanto, se o amo se levantasse e deixasse o lenço dobrado ao lado do prato, o servo jamais ousaria tocar na mesa, porque o lenço dobrado queria dizer: "Eu voltarei!"

O lenço dobrado (João 20:7)


O mistério de 400 anos da luz Ashen de Vênus

Não há muitos mistérios astronômicos de quatrocentos anos de idade.  Um monte de perguntas realizadas pelos primeiros astrônomos já foram respondidas pelos astrônomos modernos. Mas em nosso vizinho há um brilho estranho que mesmo após centenas de anos de pesquisa ainda não pudemos compreender.

Vênus

Em 1643, Giovanni Riccioli estava observando Vênus quando notou uma espécie de brilho que emana do lado noturno do planeta. Vênus nem sempre apresenta seu lado totalmente iluminado para nós. Nos meses de verão, apenas ao anoitecer, e quando Vênus está iluminado (e voltado para nós) apenas por uma fina crescente da luz solar, é possível ver uma espécie de brilho. Isto é o que Riccioli chamou de “A luz Ashen de Vênus.”
Ao longo dos séculos, os astrônomos têm consistentemente relatado o fenômeno. Dizem que se parece com o fraco brilho da luz solar que a Terra reflete, iluminando um pouco o lado escuro da lua -, mas a Terra está muito longe para que o mesmo efeito funcione em Vênus. De onde o brilho está vindo?
Este é um mistério ainda não resolvido por qualquer missão espacial. Algumas naves espaciais procuraram pela fonte do brilho mas nem sequer foram capazes de detectá-lo. Quando o telescópio Keck I viu pontos brilhantes em Vênus, no entanto, uma luz de esperança veio à tona.

Luz Ashen de Vênus

De onde veio o brilho? Pesquisadores desde então têm levantado diversas hipóteses. Alguns acreditam que ele é produto do dióxido de carbono na atmosfera de Vênus sendo dividido pela radiação solar. Alguns acreditam que ele é resultado das tempestades na atmosfera do planeta. Outra possibilidade é uma aurora boreal venusiana. Na verdade, ninguém sabe.

Via Mistérios do Mundo.